Política

Julio Cesar apresenta balanço de atividades da Câmara Municipal no primeiro semestre

Julio Cesar apresenta balanço de atividades da Câmara Municipal no primeiro semestre

 

O presidente da Câmara Municipal de São Carlos, vereador Julio Cesar (Democratas), apresentou durante a sessão plenária desta terça-feira (4) um balanço das atividades legislativas e de sua gestão no primeiro semestre de 2017. No período, foram aprovados 91 projetos encaminhados pela Prefeitura, 29 projetos de iniciativa dos vereadores e 4 da Mesa Diretora. Ao todo, tramitaram na Casa 63 matérias de autoria parlamentar e 111 do Executivo.

 

Foram apresentados nos primeiros seis meses do ano 1074 requerimentos, 313 indicações, 254 moções, 6 Resoluções, 12 projetos de Decretos Legislativos, uma emenda à Lei Orgânica do Município e instauradas duas comissões parlamentares de inquérito (para investigar possíveis irregularidades em pagamentos realizados pela Prefeitura à empresa São Carlos Ambiental, e para apurar as causas da falta de médicos na rede municipal de saúde, do fechamento de duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e as responsabilidades pela reabertura da UPA da Cidade Aracy sem a presença de médicos).

 

No semestre foram realizadas 24 sessões ordinárias, 9 sessões solenes, 24 audiências públicas e duas consultas públicas (sobre o transporte coletivo urbano e necessidade de obras na rodovia Washington Luis). O "Projeto Visite a Câmara" recebeu 23 grupos de visitantes.

 

ECONOMIA DE RECURSOS – No âmbito administrativo o período foi marcado pela economia de recursos públicos, fortalecimento do Legislativo e uma maior interação com a comunidade. Entre as ações adotadas incluiu-se a inédita devoção de mais de meio milhão de reais à Prefeitura já no primeiro mês do mandato, quantia economizada pelo Legislativo em função de determinações da nova gestão.

 

Ações adotadas pela presidência permitiram a diminuição de repasse da ordem de R$ 250 mil. Com a implantação do pregão eletrônico, obteve-se uma economia de 30% nas compras de materiais de consumo. Nos contratos de serviços a redução alcançou 37, na aquisição de bens permanentes a economia foi de 40% e as despesas com energia elétrica recuaram 20% após a troca de lâmpadas quentes por frias nas repartições e gabinetes da Câmara.

 

Destacam-se no primeiro semestre as medidas de transparência implantadas pela gestão, que modernizou e tornou mais fácil o acesso as informações sobre a Câmara (processo que está tendo continuidade), referente a dados sobre contas públicas, despesa com diárias e viagens, boletim de caixa (pagamentos efetuados),salários,compras e licitações,presença dos parlamentares e transmissão das sessões e audiências públicas.

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos

2

Ganhadores do Oscar nas principais categorias

3

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

4

Projeto Empreender realiza I Mega Bazar Itinerante

5

Dupla é presa ao transportar 733 tijolos de maconha em Boituva