Polícia

Acusado de matar "Nem" é preso pela DIG

São Carlos Agora

 

Policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) prenderam nesta quarta-feira (5) o acusado de matar José Roberto Lemos, o “Nem”, na noite do dia 28 de agosto, na rua Salomão Schevz, Jardim Gonzaga.

 

 A equipe do delegado Gilberto de Aquino foi a campo, porém no bairro onde aconteceu o crime impera a “lei do silêncio”, porém os policiais conseguiram apurar junto a uma testemunha que a pessoa que atirou contra “Nem” seria Jeferson Pinho de Lima, vulgo Leke.

 

O motivo do crime seria o envolvimento da vítima e do autor no tráfico de entorpecentes. Segundo o delegado da DIG, “Nem” vendia drogas para “Leke”, porém ficou devendo e como exemplo para os demais, acabou assassinado.

 

Aquino solicitou junto à Justiça a prisão temporária de “Leke”, a qual foi concedida e ele se encontra preso neste momento, devendo permanecer nesta condição até o término das investigações.

 

Durantes as diligências a pistola usada no crime também foi apreendida pelos policiais.

 

Entenda o caso

 

O homicídio aconteceu por volta das 20h. A amásia de “Nem” contou que estava em casa, quando ouviu alguém chamando pelo companheiro e minutos depois dele atender a portão escutou dois estampidos e na sequencia outros dois.

 

Ao sair para ver o que estava acontecendo ela encontrou um homem manuseando uma arma de fogo que apontou em sua direção. Com medo ela entrou na residência.

 

Ao sair encontrou “Nem” caído com várias pessoas em sua volta.

 

O Samu chegou a ser acionado, porém a vítima já estava sem vida. Os três tiros atingiram a cabeça, lateral esquerdo do tórax e braço esquerdo. 

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos