Artigo

VENDAS NO DIA DOS PAIS: QUAIS SÃO OS MAIORES ERROS QUE AFASTAM OS CONSUMIDORES?

VENDAS NO DIA DOS PAIS: QUAIS SÃO OS MAIORES ERROS QUE AFASTAM OS CONSUMIDORES?

 

Mário Rodrigues*

 

Com a comemoração do Dia dos Pais se aproximando, a expectativa de qualquer varejista é a de vender mais. E, de acordo com pesquisa divulgada pela FecomercioSP (Federação do Comércio de Bens, Serviço e Turismo do Estado de São Paulo), no dia 02 de agosto, o comércio varejista tem a expectativa de crescer 4% no mês em relação ao mesmo período do ano passado.

 

A pesquisa mostrou também que mesmo com a expectativa de crescimento, o volume de vendas ainda é inferior ao de outras datas como Dia das Mães e Natal, já que agosto é considerado um dos meses mais fracos do segundo semestre para o varejo, pois é o mês subsequente às férias escolares, onde o consumidor acaba gastando mais com viagens e outras atividades.

 

E como atrair a atenção do consumidor em período de datas comemorativas é um dos principais pontos de atenção de um profissional de vendas. No entanto, uma questão muito comum nessa área é: como fazer para que os consumidores não saiam correndo do seu negócio?

Trabalhar com pessoas exige delicadeza e algumas medidas e cuidados são essenciais para obter sucesso na área. Para isso, é necessário, primeiramente, saber que para vender é preciso ir muito além de uma conversa superficial. 

Falta de empatia: É um grande problema. Crie identificação com o comprador e transmita boa impressão. Cuide da aparência e aja de acordo com o perfil de cada cliente para inspirar as compras. As pessoas têm tendência em confiar e se relacionar com quem possui algo em comum com elas. 

Não seja muito invasivo: Pergunte, mas também saiba ouvir. Fuja do monólogo, busque sempre o diálogo e nunca se esqueça de que cautela é essencial. Entenda o que o cliente quer e trabalhe para resolver os seus problemas. Lembre-se que o vendedor é um solucionador e ajuda quem o procura a suprir necessidades e realizar sonhos.

Fuja dos clichês: Utilizados pelos vendedores, ao contrário do sucesso, jargões, exageros, mentiras ou falar demais podem atrapalhar a negociação. A sinceridade é muito mais bem vista e aceita pelos clientes do que uma simpatia exagerada, que soa como falsidade. Portanto, saiba usá-la moderadamente.  

Despreparo e a insegurança: Atrapalham a credibilidade do profissional.  Estude sempre e busque profissionalização. Mantenha-se informado sobre os produtos que vende e os mercados nos quais estão inseridos, participe de palestras e cursos preparatórios, leia obras importantes na área e fique antenado às tendências e acontecimentos. 

*Mário Rodrigues é diretor do Instituto Brasileiro de Vendas (IBVendas)

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos