Automóveis

Gol e Voyage 2019 chegam automáticos – Preços partem de R$ 54.580

 Notícias Automotivas

Como parte da linha 2019, Gol e Voyage agora chegam com uma importante novidade, a transmissão automática de seis velocidades. Com preços a partir de R$ 54.580 e R$ 59.990, respectivamente, a dupla de entrada da Volkswagen traz de volta um propulsor que já foi usado anterior no hatch popular, o EA211 1.6 MSI com 16 válvulas.

 

Com visual atualizado, adotando faróis duplos maiores e grade ampliada, compartilhados da picape Saveiro, Gol e Voyage 2019 também receberam para-choque mais robusto e novos faróis de neblina, sendo essas as únicas mudanças de estilo dos modelos clássicos da VW no Brasil, mas na versão automática, além do logotipo MSI, os dois ostentam o “Automatic” para identificar a opção. As rodas de aço aro 15 possuem pneus 195/55 R15 especialmente escolhidos para essa versão.

 

Gol e Voyage 2019 chegam automáticos - Preços partem de R$ 54.580  

 

Mecanicamente, Gol e Voyage 2019 utilizam o motor EA211 1.6 16V MSI com 110 cavalos na gasolina e 120 cavalos no etanol, sendo que esse propulsor já havia equipado no passado o Gol Rallye 2015, por exemplo. Ele entrega 15,8 kgfm na gasolina e 16,8 kgfm no etanol, ambos a 4.000 rpm. Já a transmissão AQ160-6F tem seis velocidades, modo Sport e possui trocas manuais na alavanca e paddle shifts no volante.

 

 

Com esse conjunto motriz, o Gol automático 2019 vai de 0 a 100 km/h em 10,1 segundos com máxima de 185 km/h, enquanto o Voyage automático 2019 faz o mesmo em 10,2 segundos com final de 190 km/h. No consumo, ambos fazem 11,1 km/l na cidade, mas o Gol faz 13,6 km/l na estrada, enquanto o Voyage tem consumo de 14,3 km/l, na mesma situação e ambos com gasolina.

 

No etanol, os consumos são de 7,7 km/l e 8,0 km/l na cidade, respectivamente Gol e Voyage, enquanto na estrada fazem 9,6 e 10,1 km/l, na mesma ordem.

 

Gol e Voyage 2019 chegam automáticos - Preços partem de R$ 54.580  

 

No mais, Gol e Voyage 2019, apresentados em versão única sem identificação, possuem de série direção hidráulica, ar-condicionado, vidros dianteiros e travas elétricos, faróis com máscara negra, instrumentação com iluminação em LED, banco  motorista com ajuste de altura, suporte de celular com carregador USB, entre outros.

 

Como opcional no pacote Urban Completo (R$ 3.000), a dupla traz sensor de estacionamento, rodas de liga leve aro 15 polegadas, volante multifuncional com ajuste longitudinal e vertical, computador de bordo, chave canivete, retrovisores elétricos com tilt down, repetidores de direção nos retrovisores, maçanetas e retrovisores na cor do carro, alarme, faróis duplos, entre outros.

 

Gol e Voyage 2019 chegam automáticos - Preços partem de R$ 54.580  

 

Além disso, há também vidros e travas elétricas nas quatro portas, lanternas escurecidas, luzes de leitura, direção com ajuste em profundidade e altura, além de abertura elétrica do porta-malas. No pacote Interatividade (R$ 2.000), vem ainda com o rádio Composition Touch e computador de bordo.

 

No Interatividade Discover Media (R$ 2.100), os modelos oferecem multimídia com GPS, Google Android Auto, Apple Car Play, MirrorLink, USB, SD Card, Bluetooth, tela sensível ao toque, além de volante multifuncional com paddle shifts e computador de bordo. Gol e Voyage 2019 tem três cores sólidas (Branco Cristal, Preto Ninja e Vermelho Flash) e duas metálicas (Cinza Platinum e Prata Sirius), como opções.

 

Gol e Voyage 2019 chegam automáticos - Preços partem de R$ 54.580  

 

Impressões ao dirigir

Taubaté-SP – No test drive promovido pela Volkswagen, optamos pelo Gol 2019. O hatch compacto mostra um bom desempenho com o 1.6 16V MSI de até 120 cavalos.

 

O propulsor amplia muito a agilidade do Gol 2019, entregando boa força em baixa rotação. Com respostas mais animadoras ao pedal, o EA211 casou bem com a caixa automática AQ160-6F, que tem seis marchas e modo Sport, mas com mudanças manuais na alavanca e/ou volante.

 

Gol e Voyage 2019 chegam automáticos - Preços partem de R$ 54.580  

 

Na cidade, saídas mais vigorosas e suavidade, além de conforto. Na estrada, um comportamento dinâmico melhor. Rodando a 110 km/h, o giro alcança 2.300 rpm. Retomadas e aceleração são animadoras.

 

O nível de ruído do motor é bom, mesmo em alta rotação. No modo Sport, o giro sobe mais de 1.000 rpm, enquanto as trocas manuais garantem um extra na condução esportiva. O motor sobe até pouco mais de 6.000 rpm, quando corta.

 

Direção não mudou e atende a proposta, assim como freios e estabilidade. Visualmente, o conjunto ficou interessante, apesar de ser simples. Por dentro, chama atenção o seletor de marchas de visual muito antigo. No geral, Gol (e também Voyage) ficou melhor, embora falte pelo menos piloto automático. Boa opção para clientes PCD, foco da proposta da VW.

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos