Mundo

Panamá é goleado pela Inglaterra, mas festeja primeiro gol em Copas

Ag Brasil

 

O nome de Felipe Baloy jamais será esquecido na história do futebol panamenho. Foi do zagueiro reserva a honra de marcar o primeiro gol do país em Copas do Mundo. Ele entrou em campo aos 23 minutos do segundo tempo contra a Inglaterra para fazer a alegria da torcida. Ao final da partida, Baloy foi o mais abraçado pelo time. E pouco importava que a Inglaterra tivesse marcado seis gols antes desse. Foi um final onde todos na arquibancada, independente do resultado, saíram satisfeitos.

 

Do outro lado da história, a Inglaterra jogou sem dificuldades, contra um time que deu espaços. O Panamá mudou a forma de jogar em relação à partida contra a Bélgica, quando se fechou toda na defesa, e tentou avançar mais ao ataque. Com isso, foi fácil para os ingleses golearem. O 6x1 de hoje foi a maior goleada registrada até agora neste mundial

 

Soccer Football - World Cup - Group G - England vs Panama - Nizhny Novgorod Stadium, Nizhny Novgorod, Russia - June 24, 2018  Panama fans during the match           REUTERS/Matthew Childs

Torcida do Panamá comemora gol marcado primeiro gol marcado pelo país em Copas do Mundo - Matthew Childsa/Reuters/Direitos reservados

O inglês Harry Kane é o artilheiro da Copa até o momento, com cinco gols. Dos três gols que o centroavante inglês marcou hoje, dois foram em cobranças de pênalti e um foi desviando, ainda que sem querer, um chute do meio-campista Loftus-Cheek.

 

O jogo

A rede começou a balançar cedo em Nizhny Novgorod. Aos 8 minutos, Stones aproveitou a cobrança de escanteio e abriu o placar. Aos 21, Harry Kane marcou de pênalti após Lingard ser derrubado na área.

 

Nizhny Novgorod (Russian Federation), 24/06/2018.- Jose Luis Rodriguez (C) of Panama in action during the FIFA World Cup 2018 group G preliminary round soccer match between England and Panama in Nizhny Novgorod, Russia, 24 June 2018. 

Inglaterra e Panamá se enfrentaram em Nizhny Novgorod . - FRANCK ROBICHON / EFE / direitos reservados

A Inglaterra jogava com facilidade. Não precisava forçar muito para ameaçar o gol de Penedo. E foi com relativa naturalidade que o terceiro gol veio. Lingard recebeu perto na área e acertou um chute perfeito, sem chances de defesa.

 

A goleada se materializou aos 39 minutos, novamente com o zagueiro Stones. O quarto gol saiu após uma jogada ensaiada, com a participação de Henderson, Kane e Sterling, que finalizou para a boa defesa de Penedo. Mas o zagueiro inglês pegou o rebote para marcar seu segundo gol no jogo.

 

O árbitro marcou mais um pênalti aos 45 minutos, após Stones ter sido agarrado na área. Kane fez uma repetição idêntica da primeira cobrança. Forte, no canto superior direito do goleiro. E o primeiro tempo terminou com 5 x 0 no placar.

 

Segundo tempo

 

Aos 16 minutos, veio o sexto gol. Loftus-Cheek chutou de longe, sem muito perigo, mas a bola desviou em Harry Kane no caminho e enganou o goleiro Penedo. Os panamenhos reclamaram de impedimento na jogada, mas nem o árbitro em campo nem o árbitro de vídeo anularam o gol.

 

Aos 20 minutos, a grande chance do Panamá fazer seu primeiro gol em uma Copa do Mundo. Murillo recebeu na área em velocidade e tentou tocar por cima de Pickford, mas o goleiro conseguiu desviar.

 

Aos 29, por uma questão de centímetros Torres não entrou para a história do futebol panamenho como o autor do primeiro gol do país em Copas. Após o cruzamento na área inglesa, o zagueiro concluiu para o gol, a bola passou perto da trave direita de Pickford, mas foi para fora. Era a segunda grande chance do Panamá marcar seu gol, que viria em seguida.

 

A glória foi para Baloy:  aos 32 minutos, o zagueiro aproveitou a falta cobrada dentro da área inglesa e se esticou todo para tocar para o gol. As arquibancadas imediatamente viraram uma festa caribenha. Parecia o gol da vitória, embora fosse apenas o gol de honra.

 

Com o resultado, Inglaterra e Bélgica estão classificadas para a segunda fase da Copa do Mundo, e se enfrentam para definir quem será o primeiro colocado do grupo. Tunísia e Panamá jogam para cumprir tabela, mas também por resultados históricos. O Panamá pode conquistar sua primeira vitória na história das Copas e a Tunísia quer voltar a vencer no torneio. A primeira e única vitória dos africanos foi na Copa de 1978, contra o México.

 

 

 

 

Edição: Amanda Cieglinski

 Tags: COPA 2018 PANAMÁ INGLATERRA

 

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos