Política

Lucão cobra agilidade do contrato que autoriza a realização do teste ergométrico

O vereador e presidente da Comissão Permanente de Saúde e Promoção Social da Câmara Municipal, Lucão Fernandes (MDB), cobrou novamente para que a Prefeitura agilize a assinatura de um contrato que autoriza o retorno do teste ergométrico em São Carlos. O apelo se deu durante a sessão do Legislativo desta terça-feira (6), a primeira do ano.

 

Segundo o vereador, existem pelo menos 250 pessoas que aguardam a realização do exame em uma fila desde maio de 2017, mês em que o teste parou de ser realizado na cidade. Em janeiro deste ano, Lucão já fez cobranças com relação à interrupção do teste e enfatizou na época, “a Prefeitura precisa se atentar mais para a Saúde pública do município”.

 

Nesta terça, o vereador destacou que a Prefeitura ainda não assinou o contrato (existe uma empresa que ganhou o processo licitatório para realizar o teste), porém esta ainda não pode realizar os exames, porque o documento não foi assinado.

 

“Estive na Prefeitura na última sexta-feira e conversei com o doutor Ademir Souza e Silva, que é muito conhecido pela população, e pedi a ele que assine este contrato que é de extrema importância para a Saúde da nossa população”, ressaltou.

 

O presidente da Comissão de Saúde fez ainda um apelo ao secretário de Governo, Edson Fermiano – que, por anos, atuou como vereador e presidente da Câmara - em nome dos seus serviços prestados que mostre a importância deste processo ao prefeito.

 

“Este exame pode detectar diversas doenças e problemas cardíacos, indicando a necessidade de fazer o cateterismo ou algum outro procedimento, prevenindo o infarto, entre outros problemas de coração, salvando até da morte”, reforçou Lucão.

 

TESTE - O clássico teste de esteira, também chamado de teste ergométrico, geralmente é o primeiro exame a ser pedido pelos médicos para avaliar a saúde do coração. Alguns sinais de problemas cardiovasculares só ficam evidentes quando se exige um esforço cardíaco maior, o que torna imprescindível o teste para saber como anda o funcionamento do coração.

 

Durante e após a realização do exercício físico na esteira, que sempre começa com uma caminhada leve e vai aumentando o grau de dificuldade, podendo chegar a uma corrida em ladeira, o teste registra várias medidas da pressão arterial e os batimentos cardíacos, além de analisar a atividade elétrica durante cada etapa do esforço.

 

O exame investiga a presença de sinais sugestivos de obstruções nas artérias coronárias (causadoras do infarto agudo do miocárdio), de anormalidades nos batimentos (como arritmias, por exemplo), de alterações na pressão arterial e de sintomas desencadeados pelo esforço, como a dor no peito.

 

 

Legenda:

O vereador Lucão Fernandes destaca a necessidade da retomada do teste ergométrico que pode salvar vidas em São Carlos (foto: assessoria do vereador)

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos