Esporte

Corinthians perde responsáveis por 50% dos seus gols em 2017

Gazeta Esportiva

 

Com a iminente confirmação da transferência do centroavante Jô para o Nagoya Grampus-JAP, que deve ser feita após os exames médicos do atleta, nesta terça-feira, na cidade de São Paulo, o Corinthians terá perdido um trio de jogadores responsáveis por nada menos do que a metade dos seus gols em partidas oficiais realizadas na temporada de 2017. Além do camisa 7, já deixaram o clube o zagueiro Pablo e o lateral esquerdo Guilherme Arana.

Ao todo, os dois defensores e o atacante assistiram ou anotaram 43 dos 86 gols feitos pelos comandados de Fábio Carille nos jogos disputados em 2017. O número em questão não leva em consideração a Copa Flórida, disputada em janeiro, e o amistoso com a Ferroviária, jogado em Itaquera para “apresentar” o elenco para a temporada antes da estreia oficial.

Artilheiro do Campeonato Brasileiro e melhor jogador da equipe na temporada, foi Jô quem deu a principal contribuição para essa perda. Autor de 25 gols e seis assistências durante o ano, ele sozinho já ostentava o posto de ser responsável por 37% dos tentos corintianos, tornando-se a perda de reposição mais difícil para a diretoria alvinegra.

Além dele, porém, Guilherme Arana deu 11 passes para gol e balançou a rede em duas oportunidades. Pablo, por sua vez, anotou duas vezes, dando a contribuição necessária para tirar da conta as três assistências de Arana que tiveram como destino final justamente Jô, não podendo ser duplicadas na relação.

A perda considerável no poderio ofensivo chama ainda mais a atenção quando se nota que os 86 gols marcados em partidas oficiais formam a pior marca desde 2013, quando os corintianos balançaram a rede em 84 oportunidades. Em 2014, por exemplo, foram 93 gols marcados, com incríveis 122 feitos em 2015. Mesmo no ano passado, o clube chegou às redes rivais em 104 oportunidades.

Para tentar compensar essas ausências, a diretoria já acertou a chegada de Júnior Dutra, apresentado oficialmente, e tem tudo apalavrado com o volante Renê Júnior, nome contratado pela versatilidade. A ideia é que, até a apresentação do elenco, no dia 3 de janeiro, ao menos mais quatro nomes já tenham chegado para o elenco de Carille.

Veja a contribuição de Pablo, Arana e Jô para o ataque corintiano:

Pablo – 2 gols marcados
Guilherme Arana – 11 assistências e 2 gols marcados
Jô – 6 assistências e 25 gols marcados

 

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Ganhadores do Oscar nas principais categorias